29
set
05

Nada a ver da semana: o inacreditável algodão 600 fios

No canal Shoptime, curiosamente, um dos programas que mais vêm fazendo sucesso ultimamente é o Casa e Conforto, dedicado a vender produtos de cama, mesa e banho. Um programa que é somente pra quem curte essas coisas, porquê pra quem não está nem aí se comprou o lençol na Casa Moisés ou no Varejão Chaves, o CC é um santo remédio contra a insônia!

O Shoptime já teve programas bem mais interessantes… como o CD Mania (vendia CDs, falecido provavelmente com o surgimento do glorioso Napster), TV Garagem (nunca mais ouvi falar, embora o logo ainda apareça nas vinhetas), Forma e Beleza (a apresentadora que vende produtos do gênero atualmente só faz curtas participações especiais) e já houve até mesmo um programa erótico, o Summer Night, apresentado por Malu “Tuuuuudo bem” Bailo – ela fez uma ponta revoltante no Sai de Baixo, onde ela só podia dizer isso – e depois, por Monique Evans, que trocaria o Shoptime pela RedeTV, para fazer basicamente a mesma coisa… detalhe, desde a época do Shoptime ela já se declarava evangélica. Eu, então, devo ser um xiita…
Atualmente o Shoptime voltou a ser totalmente familiar, com apenas cinco programas: TV UD (e sem a divisão “UD Gourmet”), Infoshop, Eletroshop, Off Price e o Casa e Conforto, a atual febre do canal. Além do programa híbrido Infoeletro, uma experiência temporária que acabou sendo aprovada pelo público.

Mas o que eu queria dizer é o seguinte. Eles se gabavam de vender conjuntos de cama com algodão 180 fios. Pelo que eu pude entender, é um tecido mais denso do que o normal, que eu não sei quantos fios tem. Por exemplo, o das camisetas que eu uso, quantos será que tem? 100, 80 fios, 75?…
Semanas depois, já vi outro conjunto em algodão 200 fios. Dias depois, outro com 230 fios. A essa altura, o tecido, mesmo sendo de algodão, já começa a ter brilho, tamanha a densidade do produto.
Mas aí eu descubro que o pessoal do Shoptime se contenta com pouco.

Folheando uma Revista da Folha, eu descubro que existe um conjunto de cama king size (traduzindo, é uma paaatcha cama onde tem espaço de sobra, mesmo se você for jogador de basquete), desenhado por João Armentano, com um inacreditável algodão 600 fios. É da famosa griffe M. Martan, aquela que anuncia na televisão produtos bem mais em conta do que esse.

Pra vocês não dizerem que eu tenho preguiça de pesquisar as coisas na Net, eu fui conferir [im]pessoalmente no site da loja. O edredon Milano king size (2,80m x 2,55m) da linha João Armentano, com algodão 600 fios egípcio, custa “apenas” 960 reais. Por esse preço você compra tranquilamente dois televisores de CRT nas Casas Bahia, três videocassetes ou uns 5 DVD players de marca popular, e com muita folga você compra um belo multifuncional pro seu computador. E se você for como eu, quem sabe você arranje uma mesa de som de 16 canais de fabricação nacional na rua Santa Ifigênia.

Gente do céu. Que tipo de pessoa se deitaria sobre essa lona de caminhão, um tecido com 600 fios por…? é, não sei qual é a medida, metro quadrado, centímetro cúbico, sei lá. Devem ser os mesmos que dão Coca-Cola – normal, é claro – pros filhos, saída de sua geladeira duplex frost-free… como os pais de todos os meus ex-colegas de escola!

E como dizia a cantora Lilian Knapp, “Eu sou rebelde porquê o mundo quis assim…”

Anúncios

0 Responses to “Nada a ver da semana: o inacreditável algodão 600 fios”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


VOCÊ CONHECE A FITA VHS “AS GAFES DA GLOBO EM 84”?

Conhece? Tem? Sabe quem tem? Já viu? Clique aqui.

Igor C. Barros Cartoons, o Blog

Feliz 2013! Este é o nosso blog secundário, porquê atendemos atualmente no Tumblr. Só que a compra do Tumblr pelo Yahoo! fez muita gente espontaneamente criar blogs da Wordpress. Seja como for, este blog está semi-de volta, só que diferente, despolitizado, mais maduro, mais velho, mais gordo, com menos cabelos, MAS com os mesmos sonhos:
"Fazer séries de desenho animado em grandes pólos produtores (EUA, Canadá, Japão, Filipinas, México) para que elas, com a máxima qualidade, possam também estar no Brasil, misturando-se às séries que vem do exterior, sem submeter-se aos ditames que regeriam o roteiro de um produto 100% nacional."
"Produzir músicas e/ou podcasts com qualidade equivalente a dos grandes estúdios para download ou streaming na Internet."

A Salt Cover? Desde 2010 ela é composta de mais pessoas além de mim, e atende em www.saltcover.com.br! Está sendo um tanto maltratada pelos nossos trabalhos na vida real, que sustentam o leitinho das crianças, mas está aí, e não morre quem peleia!

Crianças, que dia é hoje? 5:60!

setembro 2005
D S T Q Q S S
« ago   out »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Arquivos Mort… digo, vivos (afinal, estamos na Wordpress)

As últimas do Twitter

Tá com dinheiro sobrando?

Sabe uma coisa que você pode fazer com ele? Doar para o Criança Esperança. Não é piada: pela Internet, você pode doar 24 horas e 365 dias por ano!!! E sem o Aragão te enchendo os pacovás! Duvida? Clique aqui!!

Este blog não é o seu genro, mas é bem visitado

  • 198,080 pessoas nos visitaram e filaram a bóia

ATENÇÃO À DATA DA POSTAGEM

Este blog tem textos escritos desde 2004, e muitos dos links deles ou até mesmo suas informações podem não ser mais válidas.
Eu sei que infelizmente você veio aqui justamente por causa disso, é o Gôógle que é sem noção mesmo. Aproveite que você está aqui, clique no banner lá em cima e veja os posts mais recentes!

Só pra constar, viu

Agora aqui na WP, na página Míusiqui, as músicas que embalaram uma geração, pra você e todo mundo cantar junto! Essas e muitas outras você só ouve na Rádio Salt Cover, mesmo porquê a rádio clandestina da sua quebrada tem um nome a zelar.
Em breve, confira também o nosso perfil no DeviantArt, onde você finalmente vai entender porquê este blog se chama Igor C. Barros Cartoons...

%d blogueiros gostam disto: