15
maio
07

Um desabafo de Igor C. Barros. Leitores de bem, me desculpem.

Dois blogueiros que deram certo me deixaram muito irritados esta semana. O primeiro, do sexo masculino, com suas opiniões, com as quais concordo em 50% e em outras, discordo completamente. Foi por coisas desse tipo que eu saí da faculdade há quase 10 anos pra só voltar pra uma delas o dia que criarem faculdade de animação aqui no Brasil. De repente o cara é de lá. Deve ser praga de ex-professor. Mas “praga de ex-professor não va-le”, já cantava o maestro (e chato profissional) Johnny Gilbert (se bem que, perto desses dois aqui, ele chega a ser cool.)
E a segunda, do sexo feminino, possívelmente de TPM, ou por não ter tido seu caráter muito bem formado por seus genitores, irritou-se profundamente (não tanto quanto eu, por saber da existência de seres humanos como ela) por ter sido plagiada in the hard face. Um texto escrito por ela aterrisou em outro blog com tudo igual. Se ela usou comando “em” em vez de “i” pra fazer itálico no texto, lá estaria. E esta señora dedicou três longos, chatos, cansativos e aborrecidíssimos posts à legislação brasileira de direito autoral. (E EU LÁ QUERO SABER DISSO, CARAMBA?!)
E o que é pior, não deixou de ser lida – e comentada – por causa disso…

Olha, gente. Eu demorei muito pra ter um blog na Internet. Botava muito mais fé nos sites tradicionais – que tenho até hoje. Não trocaria os meus sites por um blog. Sei lá, sou tremendamente fora de moda – os sites que eu mantenho são com design a base de tabelas e sem flash, que eu não posso hospedar devido a limitação dos hospedadores gratuitos. Ainda escrevo português por extenso no MSN, que comecei a usar por causa do serviço.

Não ganho dinheiro com isso aqui. E no que depender de mim, depois de tomar conhecimento dessas duas peças, nunca o ganharei. O dinheiro faz isso aí: tirou dois seres humanos, que poderiam estar escrevendo textos interessantes, que me fariam visitar seus dotcoms, de sua razão. Fez eles perderem a cabeça, só por causa de uma cópia que poderia ter sido evitada, se eles quisessem, através de algumas linhas de programação, já vi sites assim por aí, nos quais o botão direito “deixa de funcionar”.
A palavra plágio, na minha vida, sempre teve uma conotação positiva, por increça que parível. Era assim que eu chamava aquela atividade, que depois que surgiu a internet, passou a se chamar de fan art. Comecei aos 15 anos de idade, criando HQs da Turma da Mônica totalmente fora de estilo e que provavelmente seriam reprovadas por Maurício de Sousa. E digo, sem medo de ser feliz: foi por tentar desenhar personagens dos outros, de vários autores, que acabei formando o meu estilo. Não fosse por isso, eu estaria nos bonequinhos de palito até hoje.
Apesar disso, em relação aos blogs que não se deixam copiar, ok, quero deixar eles lá no cantinho, juntando poeira. Pra mim, copiar dá trabalho demais... Eu cito postagens, quando eu as acho interessantes (a blogueira em questão é contra isso, inclusive !!! Poots, se eu tivesse sogra, lhe daria um beijo e um abraço agora…)

Bem, não direi os nomes dos blogueiros e de seus sites não em nome da ética, mas sim porquê eu quero esquecer que eles existem. E essa carapuça não servirá em mais ninguém. Você, que tem um blog e ganha com isso, é um “blogueiro que deu certo”, mas não tem nada a ver com esta situação, sinta-se em casa na Rede Igor C. Barros, porquê aqui nóis é pobre, mas nóis é limpinho. Aqui não tem interrupções de textos como…

Pesquise o peço de carapuças no Melado Livre! Blá, blá blá…


Leitores de bem, me desculpem o desabafo, mas é pelos valores que eu defendo, transigidos por esses dois filhotes de Mainardi, que eu escrevi isto aqui. Apesar deles, amanhã há de ser outro dia.

Anúncios

0 Responses to “Um desabafo de Igor C. Barros. Leitores de bem, me desculpem.”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


VOCÊ CONHECE A FITA VHS “AS GAFES DA GLOBO EM 84”?

Conhece? Tem? Sabe quem tem? Já viu? Clique aqui.

Igor C. Barros Cartoons, o Blog

Feliz 2013! Este é o nosso blog secundário, porquê atendemos atualmente no Tumblr. Só que a compra do Tumblr pelo Yahoo! fez muita gente espontaneamente criar blogs da Wordpress. Seja como for, este blog está semi-de volta, só que diferente, despolitizado, mais maduro, mais velho, mais gordo, com menos cabelos, MAS com os mesmos sonhos:
"Fazer séries de desenho animado em grandes pólos produtores (EUA, Canadá, Japão, Filipinas, México) para que elas, com a máxima qualidade, possam também estar no Brasil, misturando-se às séries que vem do exterior, sem submeter-se aos ditames que regeriam o roteiro de um produto 100% nacional."
"Produzir músicas e/ou podcasts com qualidade equivalente a dos grandes estúdios para download ou streaming na Internet."

A Salt Cover? Desde 2010 ela é composta de mais pessoas além de mim, e atende em www.saltcover.com.br! Está sendo um tanto maltratada pelos nossos trabalhos na vida real, que sustentam o leitinho das crianças, mas está aí, e não morre quem peleia!

Crianças, que dia é hoje? 5:60!

maio 2007
D S T Q Q S S
« abr   jun »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Arquivos Mort… digo, vivos (afinal, estamos na Wordpress)

As últimas do Twitter

Erro: o Twitter não respondeu. Por favor, aguarde alguns minutos e atualize esta página.

Tá com dinheiro sobrando?

Sabe uma coisa que você pode fazer com ele? Doar para o Criança Esperança. Não é piada: pela Internet, você pode doar 24 horas e 365 dias por ano!!! E sem o Aragão te enchendo os pacovás! Duvida? Clique aqui!!

Este blog não é o seu genro, mas é bem visitado

  • 197,057 pessoas nos visitaram e filaram a bóia

ATENÇÃO À DATA DA POSTAGEM

Este blog tem textos escritos desde 2004, e muitos dos links deles ou até mesmo suas informações podem não ser mais válidas.
Eu sei que infelizmente você veio aqui justamente por causa disso, é o Gôógle que é sem noção mesmo. Aproveite que você está aqui, clique no banner lá em cima e veja os posts mais recentes!

Só pra constar, viu

Agora aqui na WP, na página Míusiqui, as músicas que embalaram uma geração, pra você e todo mundo cantar junto! Essas e muitas outras você só ouve na Rádio Salt Cover, mesmo porquê a rádio clandestina da sua quebrada tem um nome a zelar.
Em breve, confira também o nosso perfil no DeviantArt, onde você finalmente vai entender porquê este blog se chama Igor C. Barros Cartoons...

%d blogueiros gostam disto: