22
abr
08

Urgente: Terra treme, e não é o site…

Sério, agora há pouco, as 21h04, senti o chão tremendo aqui em casa (sétimo andar de um prédio, para ser mais preciso). E desta vez, toda a galera também notou isso!! Um tremor talvez só perceptível por eu estar descalço.

ESPERO que seja apenas um reflexo de um terremoto na América Latina, e não o pesadelo que ronda a minha cabeça: nos anos 90, bem antes do 11 de setembro de 2001, sonhei que via prédios desabando na linha do horizonte… desabando mesmo, não como se estivessem sendo implodidos!

[EDIT: Não fui só eu. O tremor foi sentido em muitos lugares da Grande São Paulo, foi notícia no RedeTV! News e no portal G1. As câmeras do estúdio do Jornal da Record também chegaram a balançar. E errei feio: foram 5,2 graus na escala Richter. Outra coisa, a Cordilheira dos Andes não teve nada a ver desta vez. O epicentro desse tremor de terra foi no Oceano Atlântico. Enfim, algo totalmente atípico! Yes, nós temos terremoto!…]

Anúncios

2 Responses to “Urgente: Terra treme, e não é o site…”


  1. 1 Paulo Lescaut
    24 de abril de 2008 às 1:21 pm

    Igor, fui descobrir os vídeos da Salt Cover só agora, e tenho gargalhado até não poder mais. Além de perspicazes, as vinhetas têm excelente qualidade técnica, chegam a ser mais do que sátiras!

    Tanto é que a Cover se expandiu, e tal como uma televisão de “código livre”, outras pessoas inteligentíssimas criaram suas versões e afiliadas.

    Só lamento e não compreendo essa perseguição. Pelo que eu tenho lido, você foi excluído de sites, blogs, Youtube… algo inconcebível. Como podem usar justificativa de quebra de direitos autorais?

    Nossa realidade é de despotismo midiático e comercial, de conglomerados cada dia mais poderosos face à sociedade, que consome passivamente o que lhe impõem. A mídia de tal forma invade a vida cotidiana, que a noção de ídolo nem é mais religiosa, mas televisiva.

    Esse caminho arrogante com que esses conglomerados tendem a tratar qualquer um que use suas marcas se mostra cada dia mais imbecil e nocivo à própria imagem da marca. Um bom exemplo disso é a Mattel, que processou aquele grupo ACQUA pela música irônica “Barbie Girl”: não apenas perdeu o processo, como a ação foi julgada improcedente, tal é a manifestação cultural que causa a boneca Barbie na sociedade contemporânea.

    A Mattel, então, achou uma saída na minha opinião bem mais inteligente: em vez de se pôr como a arrogante dona de um fenômeno cultural, passou a subverter o sentido da expressão da música. Se você perceber, desde o fim do processo que os comerciais da Barbie, da Mattel, terminam com a mesma expressão (agora com sentido positivo) “Barbie Girl”.

    Um abraço, e sucesso!

  2. 2 Igor C. Barros
    7 de maio de 2008 às 11:05 am

    Obrigado por comentar. Só uma correção: no YouTube eu “AINDA” não fui expulso, eu parei de usar a conta por temer a qualquer momento a suspensão da mesma. Nem vou mais no YouTube, mesmo tendo abrido uma segunda conta lá, por este ano estar sendo implacável com o meu tempo livre.
    Em blogs, eu temo a suspensão deste aqui, na Blogger, mesmo com todos os ‘DLs’ de músicas oferecidas aqui sendo produzidas por mim! De resto, concordo totalmente com a sua opinião. Espero, sinceramente, que sátira e paródia não se tornem “crimes” no futuro!! Um abraço.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


VOCÊ CONHECE A FITA VHS “AS GAFES DA GLOBO EM 84”?

Conhece? Tem? Sabe quem tem? Já viu? Clique aqui.

Igor C. Barros Cartoons, o Blog

Feliz 2013! Este é o nosso blog secundário, porquê atendemos atualmente no Tumblr. Só que a compra do Tumblr pelo Yahoo! fez muita gente espontaneamente criar blogs da Wordpress. Seja como for, este blog está semi-de volta, só que diferente, despolitizado, mais maduro, mais velho, mais gordo, com menos cabelos, MAS com os mesmos sonhos:
"Fazer séries de desenho animado em grandes pólos produtores (EUA, Canadá, Japão, Filipinas, México) para que elas, com a máxima qualidade, possam também estar no Brasil, misturando-se às séries que vem do exterior, sem submeter-se aos ditames que regeriam o roteiro de um produto 100% nacional."
"Produzir músicas e/ou podcasts com qualidade equivalente a dos grandes estúdios para download ou streaming na Internet."

A Salt Cover? Desde 2010 ela é composta de mais pessoas além de mim, e atende em www.saltcover.com.br! Está sendo um tanto maltratada pelos nossos trabalhos na vida real, que sustentam o leitinho das crianças, mas está aí, e não morre quem peleia!

Crianças, que dia é hoje? 5:60!

abril 2008
D S T Q Q S S
« mar   maio »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Arquivos Mort… digo, vivos (afinal, estamos na Wordpress)

As últimas do Twitter

Tá com dinheiro sobrando?

Sabe uma coisa que você pode fazer com ele? Doar para o Criança Esperança. Não é piada: pela Internet, você pode doar 24 horas e 365 dias por ano!!! E sem o Aragão te enchendo os pacovás! Duvida? Clique aqui!!

Este blog não é o seu genro, mas é bem visitado

  • 201,773 pessoas nos visitaram e filaram a bóia

ATENÇÃO À DATA DA POSTAGEM

Este blog tem textos escritos desde 2004, e muitos dos links deles ou até mesmo suas informações podem não ser mais válidas.
Eu sei que infelizmente você veio aqui justamente por causa disso, é o Gôógle que é sem noção mesmo. Aproveite que você está aqui, clique no banner lá em cima e veja os posts mais recentes!

Só pra constar, viu

Agora aqui na WP, na página Míusiqui, as músicas que embalaram uma geração, pra você e todo mundo cantar junto! Essas e muitas outras você só ouve na Rádio Salt Cover, mesmo porquê a rádio clandestina da sua quebrada tem um nome a zelar.
Em breve, confira também o nosso perfil no DeviantArt, onde você finalmente vai entender porquê este blog se chama Igor C. Barros Cartoons...

%d blogueiros gostam disto: