02
set
09

Tã, tanananã, tanananã!

Hoje vai ser uma festa/ Muito guaraná, muito doce pra você/ È o seu aniversário/ Vamos celebrar, os amigos receber/ Boa noite!O Jornal Nacional acaba de fazer 40 anos! Um momento de felicidade, ao menos pra quem nunca viu “Brazil, Beyond the Citizen Kane” (que agora tem suas partes originais no site da IURD.)  Mas, como dizia aquela personagem da Escolinha do Professor Raimundo, eu góstio!
E ontem, dia 1º de setembro, teve uma phestança lá na Rua Von Martius, conforme vocês podem conferir nesse blog especial, com um belíssimo cabeçalho (o TVDNN deve ter achado sensacional) que mostra em detalhes a fonte que eu apelidei de Futura Rounded, a que eles usam no jornalismo, e que é bem diferente da Rede Rounded (aliás, alguém sabe o nome oficial dessa fonte?)
E com uma galera que fez parte do JN, inclusive Alice-Maria Reiniger, que vocês que curtem aberturas antigas conhecem dos créditos do antigo JN e do Jornal Hoje. Fora o reencontro de Batman e Rob… digo, Cid Moreira e Sérgio Chapelin. Bem ou mal, eles e outros, naquele cenário branco com telas pretas atrás começavam a mostrar o mundo para mim, na minha infância (não me lembro do cenário que veio antes desse, dammit!), como os lances do Tancredo Neves, Plano Cruzado e coisas que tais.

Bem, só um parênteses. Celso Freitas, Marcos Hummel, Ana Paula Padrão (principalmente fora da bancada, lá no Afeganistão…) Lilian Witte Fibe, Valéria Monteiro e Fernando Vanucci também fizeram parte do JN e… cadê eles? Bom, estão por aí, “viraram passarinhos e já quiseram voar”… fora Eliakim Araújo, Carlos Nascimento e Berto Filho, que saíram pela porta da frente. Se algum deles estiver lendo, os parabéns nossos para vocês também, aí!

E como bônus traque, veja um passeio pelos cenários do National Journal. Só que eles esqueceram o cenário todo azul (provavelmente de 1976) no qual estreou o símbolo atual da emissora (clique na imagem para ampliar). Não me lembro dessa época (infelizmente, eu preferia sujar phraldas, eu vi isso quando o telejornal fez 35 anos), mas esse cenário me chamou a atenção pela complexidade, embora parecesse simples:
Clique na imagem pra ampliar, esse vale a pena!
O pessoal dessa época deve ter vibrado com a chegada dos cenários virtuais, onde essa ‘operação de guerra’ pra mexer uma câmera e fazer um wipe, tudo ao mesmo tempo (e ao vivo) se resumiria a apenas mexer a câmera.
Bão, parabéns jotaene, fmz, é nóis, e e isso aí (embora eu dê umas espiadelas na RedeTV! depois…)
[EDIT: Tem praticamente um outro post nos comentários…]

Anúncios

6 Responses to “Tã, tanananã, tanananã!”


  1. 1 Eddie Martínez
    3 de setembro de 2009 às 6:36 pm

    Ô, Igor, a sua especialidade é “Missing”, à la Copperfield?
    > Copperfield, nada a ver. Eu sou apenas um rapaz, latino-americano, sem dinheiro no bolso, sem parentes importantes e vindo do interiooor…

    Eu não tinha idéia de que vc estava em um novo blog. Além dos vídeos que estão no YouTube, é possível ver novidades da TV Salt Cover? Eu já li algumas declarações suas a respeito do problema que você teve com a célebre frase “I’ll be back”. Mesmo assim, não existem mais novidades no Tube, certo? É uma pena estas restrições. Aliás, as palavras da famosa frase já foram retiradas dos dicionários de inglês? Esse pessoal da censura é uma piada pronta.

    > Eddie, negó seguin – e espero aqui, neste texto, dar a explicação definitiva do que aconteceu. Eu trabalho, de forma assalariada, desde 2006. No começo de 2008 o volume do meu trabalho cresceu muito. Eu tinha postado um vídeo de ‘despedida’ no YT, porquê o meu canal estava ‘flagado’ por causa do vídeo do I’ll be back. Até já pensava em migrar para o igorcbarros2, vazio até hoje, e pensava em continuar na Dailymotion e no Videolog (que parece que também continuam no ar).
    Pensava em continuar, mas além disso, aconteceu mais um ‘PAU’ generalizado no meu computador que, não sei se você sabe, teve o Windows reinstalado já umas 7 ou 8 vezes, é uma velharia do caramba, safra 2003, que só está ainda usável porquê compramos ele muito caro, encomendamos um computador acima da média para os padrões daquela época. Hoje em dia ele dá problema na RAM, vira e mexe dá 100% de uso de CPU, é uma festa. Em cada ‘pau’ como esse é necessário reinstalar o Windows e mais 4 ou 5 programas, no mínimo.
    Outra coisa que me atrapalhou foi eu deixar de ter câmera de vídeo. Pelo menos 2 vídeos foram feitos com a placa Pinnacle DV500, um sistema altamente instável de edição de vídeo (a chance de dar BSOD é de mais de 40%). E essa placa se tornou completamente incompatível com o Windows a partir do Service Pack 2, enterrando de vez os 5 mil reais que ela custou em 2003. Se eu tivesse câmera, eu talvez estivesse até hoje fazendo vídeos, mas realmente o tempo também se tornou escasso.
    E outra coisa é que eu tive muitos baques no YT, um site que nos dá decepções com o dobro do tamanho das alegrias que nos dá (alegrias, como ter visto o desenho Galaxy High, o clipe Macadamia dos Animaniacs, a abertura de Comic Strip, esquetes do Hermes & Renato selecionadíssimos como “Pega eles, Tupi!”, a fita demo da Dolphin Productions – brega pra danar, mas valeu), como os casos de Vıλсσм e, posteriormente da Шагпεґ (SACANAGEM SUPREMA, eu era o maior fã deles que havia no mundo, não sou mais), fora os lances da Cicarelli, e do Paquistão, que tirou o YT do ar no mundo inteiro em fevereiro de 2008 (mas aí eu já estava fora).
    Foram decepções tão grandes que eu decidi parar de vez com o YT, parar e sequer voltar lá – à la Amarildo – e transformei o GMail no meu E-Mail terciário, só entro lá para me comunicar com o meu irmão no serviço, e às vezes. Talvez alguma hora o YT me mande uma intimação, porquê parece que devem chegar a quase 500 os comentários que eu precisaria moderar, mas que eu não estou querendo ver, por enquanto – talvez boa parte deles negativos.
    (E olha que já recebi comentários sensacionais, como os do apresentador do programa Medalhão Persa, que gostou das paródias, além de dois americanos, que gostaram das paródias e uma delas até queria exibir na TV a animação do “Contando com o Scanimate” – só não deu porquê eu perdi o original em alta resolução).

    Por incrível que pareça, parece que ficou assim: os meus vídeos continuaram a ser assistidos depois que eu me tornei um Belchior on-line, pelo menos entre as empresas do grupo Ġоοפּℓ℮. E nessa fase de ruptura, eu parei com os blogs na Blogger e passei para este blog, da WordPress (muito embora eu veja blogs por lá falando cada barbaridade que eu vou te contar…). Também parei com o Orkut, e foi um pouco antes da fase da proliferação dos “content suppressed” – no meu perfil do Orkut que ficou por lá, o endereço da Dailymotion foi censurado. E um pouco antes do “caso Discografias” – eu participava de uma comunidade semelhante e posso dizer que, graças à eles, vivi o melhor dos anos 80 no ano de 2006.
    Aproveitando, fala pros teus bróders de YT que agora a Salt Cover é aqui e na http://tvsaltcover.wordpress.com! Lá, por enquanto, faço humor com textos e imagens. Em meados de 2009 estou ensaiando uma volta, desta vez para subir vídeos para ноѕреdаdοгєѕ de аґףυινοs, como uma versão amadora dos sites de vídeo – e de humor – que haviam antes do YT. Está difícil arranjar tempo e equipamentos para isso. Mas quando isso começar, será amplamente divulgado neste blog.
    Novidades da TV Salt Cover: está em fase de produção, lentamente, UM vídeo, que é a Salt Cover entrando no ar em 1983, baseado em imagens mostradas por acaso pela Globo.com, que não estão no YouTube. Nessa fase os logos dos programas são acompanhados por tubos coloridos em perspectiva, que nem na vinheta que havia naquela época.

    Ah: durante o ano de 2008, eu fiz a Rádio Salt Cover! Veja na seção correspondente neste blog, divirta-se e fala pro pessoal de lá. Falta eu fazer o primeiro programa de 2009, eu sei, gente, calma…

    Caro Igor, eu tenho por volta de uma centena e meia de vídeos no YouTube, onde a grande maioria se trata de esportes, a maioria de tênis. Os últimos vídeos disponíveis são de Usain Bolt e Yelena Isinbayeva. Tudo pra ganhar Ibope. HEHEHE!!!. É verdade que não passa nem perto da qualidade que vc colocou nas suas produções. Mesmo assim, faço o convite para assistir as minhas produções. Eu estou inscrito no YouTube como “edyngtn2008”. Se vc quiser emitir comentários aos meus vídeos, por favor, não pegue pesado, OK? KKKKKK!!!

    > Olha, você sabe que hoje está acontecendo algo sobrenatural, recebi TRÊS mensagens consecutivas, de pessoas que não se conhecem entre si, me convidando pra ver vídeos no YouTube. Quebrei o jejum de 2 anos longe do site ao assistir diversos vídeos do Verdade Oculta, um dos que me mandaram mensagens, hoje de madrugada. Foram 2 anos longe para evitar a ‘barra salmão da morte’ e possivelmente um infarto. Sim, eu tive quase isso no começo de 2008, ao procurar por um vídeo que não estava mais lá (Track & Field 1983). E aí, de repente, surgem três caras pedindo pra eu ir lá, e um deles, você, representando a multidão que conheceu a Salt Cover pelo YT – só 3 pessoas, que eu saiba, conheciam os meus trabalhos na Internet antes disso (tive o meu primeiro site em 1997).
    Mas infelizmente, Roma continua a mesma, como você disse. Se fosse pra eu voltar on-line, mesmo (se bem que não é tão horrível assim o esquema que eu estou me propondo a fazer, vai!!), queria voltar na Dailymotion e tendo como cabeça um site de vídeo onde eu não estivesse estado antes, como Qik, Viddler, Vimeo, Videobay (se bem que esse não tem muito futuro) ou o Youku (se eles aceitarem inscrições de estrangeiros).
    Se bem que o meu sonho supremo seria um site que pudesse hospedar seus próprios vídeos, como faz a TV Kajuru. Alô, Jorjão, help there!… Ou talvez ter um espaço fixo em uma emissora online (aí seria tão bom ou melhor do que ter um site próprio!) como AllTV ou a TV Orkut, falta eles escarafuncharem a Internet o suficiente e chegarem até aqui!

    Um abraço e parabéns pelas suas artes visuais.
    Eddie Martínez

    > Parabéns por ter escrito. Parabéns por ter tocado na ferida, até. Outro abraço!

  2. 2 Eddie Martínez
    3 de setembro de 2009 às 10:14 pm

    Olá, Igor!

    Futura Rounded é um nome bem sugestivo para a fonte dos caracteres da Rede Globo, que a Record está utilizando, que o SBT utiliza em um ou outro programa, a Rede TV também, e até a TV Cultura também já utilizou. E o nome faz sentido, porque a fonte Futura tem uma aparência que difere apenas nas extremidade dos caracteres que são arredondadas, como o nome que vc entitulou à fonte já indica.

    Em partes das produções que estão no YouTube, principalmente os “mais-mais” recentes no ar, eu já tenho utilizado esta fonte que eu baixei recentemente. O nome da tal fonte é VOGUE. Pelo menos, foi o nome divulgado pelo site, OK?
    > São vários nomes: Vogue, VAG Rounded, Volkswagen… é que o visual de um tipo de letra não pode ser patenteado, apenas o nome.

    Vc falou que vários nomes que integraram a equipe de jornalismo voou em busca de liberdade por conta de serem ex-globais, gostaria de saber se aquela história de que o Fernando Vannucci estaria mastigando bolachas na volta do intervalo do Show do Intervalo e ele não conseguiu disfarçar o seu Lunch Break. Resumindo: é verdade ou é mais uma lenda histórica da TV brasileira? Só lembrando: 2010 e a África do Sul estão logo ali. Até parece que é na “padoca” da esquina. KKKKK!!!

    > Não é que eles voaram ‘em busca de liberdade’, eles saíram da Globo por motivos diversos (é uma referência à uma música de Zezé di Camargo e Luciano). O Vanucci teria pego uma geladeira’ por conta dessa história da bolacha. Gostaria de ter visto… Mas ele teria feito ainda a cobertura dos dois carnavais seguintes na Globo até ser dispensado e ir para a Band em 2000. Esse lance da bolacha é uma das poucas coisas que o YouTube anda devendo pra nós, assim como o “Chama o comercial, po$#%”, no programa Ferreira Netto, a discussão de Leila Cordeiro e Eliakim Araújo no SBT e as ligações telefônicas xingando o Bozo.

    Um abraço!
    Eddie Martínez

  3. 4 de setembro de 2009 às 6:40 am

    Igor, essa fonte “futura rounded” não é a Globoface?

    gostei da brincadeira com os mics de lapela. aliás, vi o Mauricio de Sousa no Roda Viva da Cultura, e ele estava usando 2 mics na lapela, também!

  4. 4 Eddie Martínez
    4 de setembro de 2009 às 9:48 pm

    Realmente, meu caro Igor, você tem muitos projetos em mente. Espero que você consiga atingir seus objetivos, principalmente o seu sonho supremo, citado na mensagem anterior. Que os incidentes do YouTube sejam mais do que páginas viradas em sua carreira. Bola pra frente, apesar de tudo, beleza? Se você não puder ver os meus vídeos no YT, é mais do que compreensível, não tenho a menor dúvida disso. Pelo menos, eu estarei livre de algum vexame. A qualidade dos meus vídeos não é grande coisa. HEHEHE!!

    De novo, parabéns pelos vídeos Salt Cover, “côveres” fantásticos da TV brasileira. Me diverti bastante. A Globo te aturou bastante, hein? rsrsrsrs

    Boa sorte em seus próximos projetos. Um abraço!

    Eddie Martínez

  5. 23 de setembro de 2009 às 1:18 am

    Hi,
    Come to visit my video blog..
    Megavideo TV series(supernatural,heroes,gossip girl & many more…)
    Daily update….
    Absolutely free…

    > Well, I’m a little more interested in some animated series that aren’t being aired EVEN on the Web, as Tiny Toon Adventures and Animaniacs… (Gente do céu, e eles ainda tem a cara-de-pau de escrever ‘all rights reserved’ pra eles no site… Moral da história: comentem, até spam eu tô aprovando nesse blog)

  6. 6 Eduardo Alberto Vargas
    1 de janeiro de 2011 às 2:51 pm

    Galera, o Mauro Veiga postou no YT um trecho do JN veiculado em 76.

    Além de isso, ele postou um horário político daquele ano, a primeira vinheta interprogramas global e uma abertura da Sexta Super:

    Mais raridades globais e da Tupi de 76:

    http://www.youtube.com/maurorveiga


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


VOCÊ CONHECE A FITA VHS “AS GAFES DA GLOBO EM 84”?

Conhece? Tem? Sabe quem tem? Já viu? Clique aqui.

Igor C. Barros Cartoons, o Blog

Feliz 2013! Este é o nosso blog secundário, porquê atendemos atualmente no Tumblr. Só que a compra do Tumblr pelo Yahoo! fez muita gente espontaneamente criar blogs da Wordpress. Seja como for, este blog está semi-de volta, só que diferente, despolitizado, mais maduro, mais velho, mais gordo, com menos cabelos, MAS com os mesmos sonhos:
"Fazer séries de desenho animado em grandes pólos produtores (EUA, Canadá, Japão, Filipinas, México) para que elas, com a máxima qualidade, possam também estar no Brasil, misturando-se às séries que vem do exterior, sem submeter-se aos ditames que regeriam o roteiro de um produto 100% nacional."
"Produzir músicas e/ou podcasts com qualidade equivalente a dos grandes estúdios para download ou streaming na Internet."

A Salt Cover? Desde 2010 ela é composta de mais pessoas além de mim, e atende em www.saltcover.com.br! Está sendo um tanto maltratada pelos nossos trabalhos na vida real, que sustentam o leitinho das crianças, mas está aí, e não morre quem peleia!

Crianças, que dia é hoje? 5:60!

setembro 2009
D S T Q Q S S
« ago   out »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Arquivos Mort… digo, vivos (afinal, estamos na Wordpress)

As últimas do Twitter

Tá com dinheiro sobrando?

Sabe uma coisa que você pode fazer com ele? Doar para o Criança Esperança. Não é piada: pela Internet, você pode doar 24 horas e 365 dias por ano!!! E sem o Aragão te enchendo os pacovás! Duvida? Clique aqui!!

Este blog não é o seu genro, mas é bem visitado

  • 202,355 pessoas nos visitaram e filaram a bóia

ATENÇÃO À DATA DA POSTAGEM

Este blog tem textos escritos desde 2004, e muitos dos links deles ou até mesmo suas informações podem não ser mais válidas.
Eu sei que infelizmente você veio aqui justamente por causa disso, é o Gôógle que é sem noção mesmo. Aproveite que você está aqui, clique no banner lá em cima e veja os posts mais recentes!

Só pra constar, viu

Agora aqui na WP, na página Míusiqui, as músicas que embalaram uma geração, pra você e todo mundo cantar junto! Essas e muitas outras você só ouve na Rádio Salt Cover, mesmo porquê a rádio clandestina da sua quebrada tem um nome a zelar.
Em breve, confira também o nosso perfil no DeviantArt, onde você finalmente vai entender porquê este blog se chama Igor C. Barros Cartoons...

%d blogueiros gostam disto: